BioPeixe.com

Bio Beixe

Tudo o conhecimento para o seu aquario

Categoria: Decoração

Esta página teve 1.156 views
Areia do seu aquário um elemento muito importante

Diversos tipos de areia, que são mais indicado para o seu aquárioA areia

não deve ser um simples elemento decorativo. Na verdade também serve, por vezes, como massa filtrante no caso do filtro de fundo. O que constituí uma fixação para as plantas que inclusive retiram dela parte do seu alimento. Na escolha da areia deve rejeitar-se toda aquela que possuir elementos calcários ou quaisquer outras matérias que possam vir alterar a qualidade da água. Deve portando ser neutra.Também só se deve usar areia de grão com diâmetro compreendido entre 2 e 5 mm pois no caso de ser mais fina, não permite uma conveniente oxigenação das camadas inferiores e dificulta a penetração das raízes das plantas. Se for de grão muito espesso, os detritos (restos de comida, fezes dos peixes, etc.) entranham-se pelo os espaços, vindo mais tarde a apodrecer com todos os inconvenientes inerentes. A areia que geralmente se encontra a venda para o efeito pode distinguir os seguintes tipos.

Areão de sílica:

É vulgarmente a mais utilizada e com bons resultados desde que seja de grão médio e não possua elementos calcários misturados.

Areão de basalto:

A sua cor preta da um bom efeito decorativo fazendo sobressair as cores dos peixes e das plantas. Tem o inconveniente de ser geralmente de grão espesso e de forma irregular, por vezes com arestas vivas o que pode provocar ferimentos nos peixes, especialmente naqueles que se deslocam do fundo.

Areia do rio:

Esta é a areia mais indicada pelo seu aspecto mais natural. Deve-se ter o cuidado de ferve-la, para evitar a contaminação do aquário por qualquer doença.

Tal como a areia, as pedras devem ser neutras sendo portanto de rejeitar todas as que apresentem incrustação de metais pesados ou calcários. Neste ultimo caso se houver dúvida quanto a sua natureza faz-se o teste com ácido clorídrico vertem-se algumas gotas sobre a pedra e se ” fizer a espuma ” esta é calcária.

As pedras mais utilizadas são o granito e o basalto, os xistos do tipo da ardósia e a lava de vulcão. Entre as pedra que se podem ser utilizadas em aquários de águas doce tempos esta, o granito e o basalto por exemplo mas não devem ser usadas pedras calcárias. Também não são adequadas pedras sujas com óleos, óxidos ou com inclusões metálicas por mais decorativas que estas possam ser.

Preparar o areão:

Uma vez localizada a areia e devidamente desinfetada para eliminar os organismos patogénicos, em especial se a areia vier de um rio. Também é necessário pô-la em um banho ácido de modo que dissolva-se pequenas partículas, metálico e calcários. Metemos por um período de 24 horas em uma dissolução de 1 porção de água e uma de ácido. O ácido chama também a água-forte, é possível ser encontrado facilmente em todo o supermercado e é muito barato. É importante conduzir esta operação em um lugar bastante ventilado, porque os gazes produzidos são muito intoxicantes. Uma vez desinfetados é necessário passar abundantemente por água para eliminar todos os organismos de sujeira e ácido.

Colocação:

Não utilize pedras demais. As construções com as pedras devem ser coladas com cola de silicone, utilize cola própria para aquário pois o silicone utilizado em construção civil libertam poluentes nas águas, coloca cola nos pontos de contacto para evitar o seu colapso com os toques dos peixes. Antes de colocar o areão deveremos ter colocado pedras da decoração.

Em seguida deve se cobrir por completamente o fundo do aquário com a gravilha. A gravilha não deve de ser comprimida, deve se deixar solta. A fim de criar um efeito bonito de aspeto, terá uma altura de 4 cm na parte da frente e de aproximadamente 8 cm na parte de traz. Se for possível colocar pedras da parte de traz para criar terraços. Para um aquário normal é necessário aproximadamente 1 kg de areão par cada 5 litros da água. A fim de calcular a quantidade necessária usar o calculador. O papel fundamental na decoração com pedras ou rochas é esconder, certos acessórios sempre inestéticos, como os tubos de ar, e as resistências etc.

Betta splendens
potamogeton-coloratus
Potamogeton Coloratus
O nosso grupo no Facebook
Potamogeton Coloratus
Aqualon - 2013 - Janeiro - Fevereiro - Marco
Copyright © 1983- 2019 todos os direitos de autor reservado. Todas as informações e fotografias contidas nesta página não podem ser reproduzidas, mesmo parcialmente, sem o acordo do autor.
Uma paixão que já dura desde da década de 80, mais precisamente em 1983, o ano da descoberta do mundo da aquariofilia com o meu primeiro aquário de 60 litros, neste momento posso dizer que tenho um conhecimento médio/alto. Bio-Peixe Grupo no Facebook ou Facebook