BioPeixe.com

Bio Beixe

Tudo o conhecimento para o seu aquario

Voltar para a : Catálgo dos Peixes

Teve 1.115 views
A família dos Poeciliidae ou Poecilídeos
Poeciliidae
Imagem representativa da espécie
Classificação Científica
Reino:
Animalia
Filo:
Chordata
Classe:
Actinopterygii
Ordem:
Cyprinodontiformes
Família:
Poeciliidae
Distribuição Geografica

Todos os membros da famílias dos Poecilídeos ou Poeciliidae são de fácil reprodução em aquário comunitários.

Estas famílias dos Poecilídeos estão distribuídas, desde da América Central até ao Norte da Argentina, nas regiões sul de africa. Conforma as espécies, podem ocupar um habitat bem diferente, mas regra geral se encontram em água estagnadas ou em cursos de água  lentos e com pouca profundidade. Algumas espécies dos Poecilídeos vivem em água salobra perto da foz dos rios. Na sua maioria vivem junto a superfície e se alimentam de insectos ou das suas larvas, sendo por isso algumas vezes utilizados para combater as pragas de mosquitos.

 

[sociallocker id=”1037″]

Os sexos são bastante diferenciados. O macho é geralmente mais pequeno e tem órgão copulador (Gonopódio) resultante da transformação dos primeiros raios da barbatana anal, que lhe permite efectuar a fecundação interna. As fêmeas geralmente tem a particularidade de poderem guardar durante algum tempo o esperma  resultante de uma fecundação, de forma a fertilizar várias sérias de ovos sem necessidade de ter um novo contacto com o macho.

Os alevins quando nascem, já estão completamente desenvolvidos e partem logo em busca de alimento. Dá-se o nome de ovovivíparos aos peixes com este tipo de reprodução. Geralmente os pais comem os filhos, pelo que o aquário deve estar bem plantado.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

[/sociallocker]

 

Aphyosemion australe
planta aquario potamogeton lucens
Potamogeton Lucens
O nosso grupo no Facebook
Potamogeton Lucens
The Aquarium
Practical Fishkeeping - 2016 - 02-Fevereiro
Copyright © 1983- 2020 todos os direitos de autor reservado. Todas as informações e fotografias contidas nesta página não podem ser reproduzidas, mesmo parcialmente, sem o acordo do autor.
Uma paixão que já dura desde da década de 80, mais precisamente em 1983, o ano da descoberta do mundo da aquariofilia com o meu primeiro aquário de 60 litros, neste momento posso dizer que tenho um conhecimento médio/alto. Bio-Peixe Grupo no Facebook ou Facebook