BioPeixe.com

Bio Beixe

Tudo o conhecimento para o seu aquario

Voltar para a : Catálgo das Plantas

Teve 529 views
Echinodorus Berteroi
planta aquario Echinodorus berteroi
Serralha de folha larga - Echinodorus Berteroi

(Sprengel) Fasset, 1955

Família :
Alismataceae
Gênero :
Echinodorus
Nome Científico :
Echinodorus Berteroi
Nome Comum :
Serralha de folha larga
Origem :
America do Norte - America do Sul
Estrutura da planta :
Raízes
Tamanho:
30 - 100
Dureza da água :
5 - 15
PH :
6 - 8
Temperatura ºC :
20 - 27
Tipo de substrato :
Areia com argila
Substrato Fertil :
Sim
Decessidade de Luz :
Baixa / Média
Crescimento :
Médio
Necessidade de Co2 :
Baixa
Localização no Aquario :
Traz
Manutenção :
Média
planta aquario Echinodorus berteroi
Serralha de folha larga - Echinodorus Berteroi

(Sprengel) Fasset, 1955

Descrição Caracteristicas e Aspectos

A Echinodorus Berteroi tem a distinção de ser uma das espécies mais variáveis no seu gênero e também uma das plantas mais agradáveis disponíveis para colocarmos no aquário. Na natureza a Echinodorus Berteroi é geralmente encontrada em pântanos e lagos de água rasas; que normalmente secam durante o verão. Enquanto a água recua, o crescimento emergente se desenvolve, junto com inflorescências que produzem sementes. As Echinodorus Berteroi geralmente morrem após a floração; e as plantas juvenis começam a crescer quando os locais onde habitem voltam novamente a encher na primavera com as chuvas.

A Echinodorus Berteroi pode apresentar três tipos de folhas correspondentes a outras tantas fases de desenvolvimento. As folhas jovens são linear-lanceoladas com a extremidade pontiaguda. As mais velhas são lanceoladas com a base arredondada e têm 25 cm de comprimento por 3 cm de largura, com 1 a 3 nervuras longitudinais, verde-escuro, de cada lado da nervura central. As folhas já completamente desenvolvidas atingem a superfície, têm a base do limbo lobada, são ovadas com 10 a 12 cm de comprimento por 8 cm de largura.

Os pecíolos podem ter até 80 cm de comprimento. A coloração é geralmente verde-claro. A inflorescência pode ter até 150 cm de altura e é constituída por 2 a 3 ramificações verticiladas, cada uma com 3 a 6 flores. As flores possuem 12 estames. Os aquénios têm 2,5 a 3 mm de comprimento.

As Echinodorus Berteroi que estão bastante desenvolvidas devem ser plantadas em local espaçoso. Dado o seu volumoso sistema radicular, é conveniente não colocar outras plantas nas suas proximidades. As folhas flutuantes poderão ser cortadas pela base. Por outro lado, quando a planta já estiver devidamente adaptada, as folhas flutuantes podem filtrar a luz sobre outras espécies que preferem desenvolver-se na penumbra.

Um solo para a Echinodorus Berteroi deve ser constituído por areia grossa com terra vegetal e argila, é perfeitamente adequado às exigências desta espécie. Os espécimes bem desenvolvidos florescem regularmente em aquário e produzem frutos, desde que disponham de espaço suficiente entre a superfície da água e a tampa do aquário.

No aquário, esta planta vai produzir o crescimento submerso; flutuante e emergente com e até 13 centímetros de altura das inflorescências; se darmos mais de 12 horas de luz por dia. Para adiar o crescimento emergente indesejável, a duração de iluminação deve ser mantida a menos de 11 horas.

Devemos proceder a uma fecundação artificial, passando suavemente um pincel de sedas finas sobre as flores. As sementes germinam rapidamente em areia húmida a 25 – 28°C. Também pode-mos multiplicá-las pela divisão do rizoma nos espécimes bem desenvolvidos.

As Echinodorus Berteroi jovens podem ser plantadas em grupo nos cantos posteriores do aquário para ocultar os tubos do ar; as resistências ou outros acessórios inestéticos. Quando eles são ainda pequenas, muitas destas plantas vai caber em um aquário de 30 litros, mas; uma planta adulta vai preencher dois terços de um aquário. Esta planta é muito fácil de ser cultivar, dando uma adequada iluminação e nutrição. É aconselhável proporcionar-lhes um período de repouso, no Inverno, de 2 a 3 meses, a uma temperatura inferior à da água do aquário.

Videos
Mapa (Área de distribuição)
America do Norte -
Foto
Anostomus anostomus
Anostomus anostomus
echinodorus-subalatus
Echinodorus Subalatus
O nosso grupo no Facebook
Echinodorus Subalatus
Aqualon - 2013 - Janeiro - Fevereiro - Marco
Copyright © 1983- 2019 todos os direitos de autor reservado. Todas as informações e fotografias contidas nesta página não podem ser reproduzidas, mesmo parcialmente, sem o acordo do autor.
Uma paixão que já dura desde da década de 80, mais precisamente em 1983, o ano da descoberta do mundo da aquariofilia com o meu primeiro aquário de 60 litros, neste momento posso dizer que tenho um conhecimento médio/alto. Bio-Peixe Grupo no Facebook ou Facebook