BioPeixe.com

Bio Beixe

Tudo o conhecimento para o seu aquario

Voltar para a : Catálgo das Plantas

Teve 466 views
Echinodorus Subalatus
echinodorus-subalatus
- Echinodorus Subalatus

(Marte Grisebe, 1866)

Família :
Alismataceae
Gênero :
Echinodorus
Nome Científico :
Echinodorus Subalatus
Origem :
Norte América do Sul -
País de Origem :
Brasil, Bacia do Amazonas. Bolívia, Costa Rica, Nicarágua, Panamá, Peru
Estrutura da planta :
Rizomas
Tamanho:
30 - 70
Dureza da água :
3 - 12
PH :
6 - 8
Temperatura ºC :
18 - 28
Tipo de substrato :
Areia grossa, argila e terra vegetal
Substrato Fertil :
Sim
Decessidade de Luz :
Média/Alta
Crescimento :
Rápido
Necessidade de Co2 :
Média
Localização no Aquario :
Traz
Manutenção :
Média
echinodorus-subalatus
- Echinodorus Subalatus

(Marte Grisebe, 1866)

Descrição Caracteristicas e Aspectos

Em condições naturais, o Echinodorus Sulfatatus é amplamente distribuído nas regiões tropicais da América, América do Sul e Central; são encontradas em pântanos e nas margens dos rios, margem de lagos, lagoas temporárias e planícies inundáveis do México para a Argentina. Durante a estação chuvosa, e muitas vezes é completamente submerso.

A Echinodorus Subalatus tem um tronco longo cujo tamanho excede consideravelmente o tamanho das folhas. Dependendo das condições da planta, a planta pode formar folhas acima da água e subaquáticas.

A Echinodorus Subalatus é uma planta de rizoma perene com folhas basilares, submersas ou emersas que são dispostas em roseta. O limbo, de coloração verde-escuro a acastanhada, de forma ovada; tem 15 a 25 cm de comprimento por aproximadamente 10 cm de largura e apresenta 5 a 7 nervuras longitudinais de cor escura, convergentes na inserção do pecíolo. O pecíolo pode ter até 50 cm de comprimento. O aspecto geral é muito semelhante ao da forma de folgas largas da Echinodorus Argentinensis com a qual é vulgarmente confundida no mercado aquarista

A Echinodorus Subalatus gosta de uma iluminação intensidade, não deve ser inferior a 0,7 W por litro. É desejável deixar periodicamente que os raios do sol incidem sobre as folhas da planta. Deve-se ter em mente que quanto mais uma planta recebe mais luz, mais compacta será a mata e a cor das suas folhas fica mais brilhante. Aplicando isso na prática, você pode formar um arbusto de qualquer tipo.

A Echinodorus Subalatus é resistente e que produz óptimo efeito decorativo em aquários de grandes dimensões. Deve ser plantada em local espaçoso e relativamente afastada de outras espécies mais pequenas que correram o risco de não poder competir com o seu volumoso sistema radicular.

Em condições aceitáveis, a Echinodorus Subalatus cresce rapidamente e, ao longo do tempo, atinge a superfície da água acima da água acima dela. Em geral, a forma decorativa do arbusto e seu tamanho dependem do brilho da iluminação e da presença de nutrientes no solo; e a combinação desses parâmetros pode ser alcançada pela forma acima da água ou subaquática da planta. Devido à rigidez especial, as folhas da planta nunca flutuam na superfície da água, mas são levantadas verticalmente acima dela.

Como na maioria das outras espécies do mesmo género, é benéfico dar-lhes um período de repouso; a uma temperatura inferior à da água do aquário, durante 2 a 3 meses por ano.

Às vezes, a Echinodorus Subalatus floresce, liberando uma inflorescência superficial; localizada em um pedúnculo longo, de até 1 m de comprimento. A própria inflorescência é de até 40 cm de comprimento e contém cerca de 4-10 espículas em cada uma das quais consiste em 4-9 flores. Em cada espiral com tempo, são formadas cerca de 3 plantas-filha da planta.

A floração desta espécie em aquário é pouco frequente; para isso é necessário dispor de iluminação bastante intensa. Propaga-se também através de estolhos embora com uma certa lentidão. Podemos multiplicá-las por divisão do rizoma, em pés já bastante desenvolvidos.

Videos
Mapa (Área de distribuição)
Norte América do Sul - Brasil, Bacia do Amazonas. Bolívia, Costa Rica, Nicarágua, Panamá, Peru
Foto
Astyanax mexicanus
potamogeton-coloratus
Potamogeton Coloratus
O nosso grupo no Facebook
Potamogeton Coloratus
The Aquarium
Copyright © 1983- 2020 todos os direitos de autor reservado. Todas as informações e fotografias contidas nesta página não podem ser reproduzidas, mesmo parcialmente, sem o acordo do autor.
Uma paixão que já dura desde da década de 80, mais precisamente em 1983, o ano da descoberta do mundo da aquariofilia com o meu primeiro aquário de 60 litros, neste momento posso dizer que tenho um conhecimento médio/alto. Bio-Peixe Grupo no Facebook ou Facebook